07
Jun 09

 Acordei no Hospital e não sabia o que se tinha passado comigo, tinha o corpo durmente.

Olhei para o lado e o meu coraçao foi como se tivesse parado.

Vi o meu pai a rezar a Deus para levar a minha mãe para o céu.

Foi entao que lhe perguntei:

- Pai o que se passa?

Abraçou-se a mim, foi como o mundo desabasse!

Percebi logo naquele silêncio o que se tinha passado. A minha mãe tinha morrido.

-Com o tempo a dor passa. – Disse ele tentando me acalmar, como se isso resolve-se alguma coisa.

Olhei para mim e vi um enorme vazio no lugar onde deveriam estar as minhas pernas, tentei não ligar, fiquei calada a espera que me acordassem e me dissessem que estava a ter um grande pesadelo

Mas isso não aconteceu, perguntei ao meu pai pelas minhas pernas, e ele chorou, apenas isso.

-Pai diz-me o que se passou. - Gritei eu com ele

-Tu e a tua mãe tiveram um acidente, ela faleceu, e a ti tiveram que amputar as duas pernas. Tiveste em coma 5 meses. Amanha já sais daqui, vamos voltar para casa!  

-Porquê a mim? Porquê a nós? E agora como vai ser?

A minha cabeça não parava de questionar, mas ninguém encontrava respostas.

Estava a ir para casa, por onde passava ficava tudo a olhar para mim.

Nunca dei apoio ás pessoas diferentes.

Soube o que é ser diferente, por a maneira pior que existe, passando por ela.

 

 

publicado por FlAvIa dIaS às 21:38

 

Flávia Dias                                                                              Habitantes do Planeta Terra

4750-123 Barcelos

 

Vila Cova 6 de Junho de 2009

Assunto: O Planeta Terra está em perigo.

 

 

Habitantes do planeta Terra,

 

O Planeta Terra é o único local onde podemos viver e onde à vida. A Terra está a morrer aos poucos devido a nós humanos.

Ao poluirmos a Terra estamos também a “poluir” a nossa saúde, a poluir a saúde dos que nos rodeiam.

Ninguém pensa no mal em que está a entrar o nosso planeta, poluição dos mares, da terra. Isto é um grave problema, os peixes morrem com essa poluição, ficamos sem alimentos devido a poluição da Terra.

Todos devíamos pensar no que estamos a fazer, ter consciência, mudar de atitude, seguir outro rumo mais saudável.

Ajudar o planeta faz toda a diferença, estamo-nos a ajudar a nós. Devíamos seguir um compromisso, mudar a maneira de viver, ajudar mais o nosso planeta.

O planeta precisa de nossa ajuda, e nós precisamos da ajuda dele.

Não falhem.

  
publicado por FlAvIa dIaS às 20:31

01
Jun 09

 

Sinonímia
Estamos perante sinónimos quando duas ou mais palavras possuem um sentido equivalente, podendo ser utilizadas no mesmo contexto.
 
Ex. Nesta frase é preciso mudar o termo/ Nesta frase e preciso mudar a palavra
 
Nota: Fora deste contexto a palavra termo pode ter um sentido equivalente a fim, mas neste contexto isso não poderia acontecer. Portanto sempre que te pedirem um sinónimo da palavra deves ter em conta o contexto em que se encontra.
 
Antonímia
 
Estamos perante antónimos quando duas palavras possuem um sentido oposto. 
 
Ex. O João é baixo e a Maria é alta
Ex. Aquele cão e magro e o outro e gordo
 
Para encontrar o antónimo de um apalavra deves ter em conta o contexto.
 
Ex. Hoje bebi um bom vinho seco. / Hoje bebi um bom vinho doce.
Ex. Eu prefiro os vinhos verdes brancos. / Eu prefiro os vinhos maduros tintos.
 
Nota: Fora destes contextos as palavras destacadas não teriam estes antónimos.
 
Um antónimo pode ser também conseguido através de um prefixo de negação
 
Ex. Ele sempre foi uma pessoa feliz. / Ele sempre foi uma pessoa infeliz.
 
 
 
Polissemia
 

 

 

Quando a mesma palavra admite sentidos diversos, estamos perante uma palavra polissémica.

A polissemia só é detectada em contexto.

 

Ex.

Aquele cão (animal) tem um pelo muito bonito.

Ele pregou um cão (calote) na mercearia.

Aquele homem é um grande cão (homem desprezável).

 

Quando viu o que tinha acontecido, ficou cego (furioso).

Está completamente cego (obcecado) pelos jogos de computador.

A faca ficou cega (sem gume) devido à água quente.

 

 

 

publicado por FlAvIa dIaS às 21:46

28
Abr 09

 

Uma pessoa corajosa que partiu por nós.

Se tivesse que escolher um modelo a seguir seria Jesus, seguiria por a maneira que pensou, pelo que agiu, pelo que foi, por tudo. Morreu por nós, um grande homem, curou feridas, ajudou pessoas, pôs sorrisos onde não havia maneira de pôr.

Eu, gostava de ser como ele, ter possibilidades e vontade de ajudar, acolher, curar.

Um homem que deve ser lembrado por todos, por tudo que fez, por tudo que passou todos os dias.

Todos nós temos um bocado dele, ele um bocado de nós.

Orgulho-me dele pela sua imagem.Ele sim é um Grande Herói.

publicado por FlAvIa dIaS às 19:30

19
Mar 09

Neste quadro vê-se um barco onde tem uma tábua ao centro com algumas cerejas, um copo de vinho. Na mesa um frade canta com alegria, e a freira tocando viola.Do lado direito um bobo bebendo o seu vinho com ganância, sentado num cordame que esta ligado ao mastro que é uma árvore.No mastro um ganso morto preso, e uma pessoa com uma faca erguida a tentar cortá-lo .No barco uma freira tenta tirar um jarro de vinho a um homem.Fora do barco duas pessoas nuas suplicando comida.

publicado por FlAvIa dIaS às 19:33

18
Mar 09

Sofia é uma adolescente de 17 anos e fala da sua vida entre ela e o namorado e os amigos. Joca o seu namorado gosta dela á um ano mas só começaram a namorar no inicio das aulas. Quando o Joca fez anos a Sofia conheceu um rapaz e ela achava-o muito bonito e um dia esperou que o irmão saísse de casa e foi ao telemóvel dele e tirou-lhe o número do rapaz e começou a falar com ele e até saíram juntos. A Sofia e o Miguel beijaram-se pela primeira vez um dia antes do Dia dos Namorados e no dia seguinte o Joca fez-lhe uma surpresa grande e ela ficou confusa com os seus sentimentos. Um dia ela viu o Miguel com uma rapariga e viu logo que ele estava a engana-la. A Sofia decidiu esquece-lo e ficar com o Joca. Alguns dias depois foram passar uma semana fora, mas a ela não disse aos pais que o Joca também ia, quando a Sofia chegou a casa teve a ver as fotografia que tinha tirado e a mãe apareceu e viu o Joca numa fotografia e A Sofia diz a mãe que dormiu com o mas que não tinha acontecido nada., Depois disto os pais puseram-na de castigo, que era ela não poder sair de casa até começar a escola. Quando começou a escola a Sofia falou com o Joca e contou-lhe o que se tinha passado com o Miguel, e eles acabaram. Um dia a Sofia foi cantar No dia seguinte a Sofia convida os amigos para ir a casa dela para festejar e ela e o Joca reconciliam-se.

publicado por FlAvIa dIaS às 19:35

04
Nov 08

Biografia de Camões

publicado por FlAvIa dIaS às 19:47

28
Out 08

Desde sempre a nossa sociedade esteve dividida em classes sociais.

Por um lado os que tudo querem e os que tudo têm. Por outro os que pouco querem e os que nada têm.

Todos nós, ou a maior parte, já passámos dificuldades, mas será que imaginámos mesmo a verdadeira pobreza? A verdadeira fome?

Os que tudo têm vivem absortos desse mundo paralelo ao nosso, vivendo no seu conto de fadas.

Quem não conhece todas estas desigualdades? Todas estas injustiças? Mas a verdade é que tudo está a piorar e tud se vais tornar insustentável se não agirmos.

publicado por FlAvIa dIaS às 18:23

24
Abr 08

Para mim a liberdade é não estar preso, é estar livre, é viver a vida sem ter medo do que possa acontecer, é não fugir ás regras...É poder expressar as suas ideias sem receber alguma consequência. É saber dizer sim àquilo que acho que é bom, e não àquilo que acho que esta errado. Liberdade é isto, a Liberdade nunca acabará pois cada pessoa sabe o que fazer na sua vida!

 

 

publicado por FlAvIa dIaS às 14:52

17
Abr 08

Ler é uma força, uma força que nunca pára, uma força que está solta… Ler é ser livre!

 

 

Flávia Dias

publicado por FlAvIa dIaS às 14:42

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links
blogs SAPO